Três músicos em dois shows

Por Carlos Bozzo Junior
Da esquerda para a direita, Marco Pereira (violão), Guto Wirtti (baixolão) e Bebê Kramer (acordeon), que fazem dois shows em São Paulo (Foto: Carlos Bozzo Junior)
Da esquerda para a direita, Marco Pereira (violão), Guto Wirtti (baixolão) e Bebê Kramer (acordeon) fazem dois shows em São Paulo (Foto: Carlos Bozzo Junior)

O trio formado por Bebê Kramer (sanfona), Guto Wirtti (baixo) e Marco Pereira (violão) se apresenta em dois shows distintos, em São Paulo. O primeiro acontece hoje (2), no Jazz B, e o segundo, na quarta-feira (3), no auditório da biblioteca Mário de Andrade.

Música em Letras esteve ontem a noite, no ensaio do trio e conversou com seus integrantes (assista aos vídeos no final do texto).

Leia, a seguir, o que vai rolar nos shows.

SOM DO SUL NO JAZZ B

Bebê Kramer, 38, é gaúcho de Vacaria, mas mora no Rio de Janeiro desde 2007. Em 2005, conheceu na cidade maravilhosa Guto Wirtti, 33, também gaúcho, de Santa Maria. Por serem do Rio Grande do Sul, os dois músicos carregam essa afinidade em seus sons, mas bebem do caldo que ferve no Rio de Janeiro, com ingredientes da música brasileira que agregam o choro, o samba e a música nordestina, entre outras. “Isso acaba permeando nossa música. Essa mistura toda é muito boa”, disse Kramer.

Além de um grupo de gafieira- Gafieira do Bebê-, o acordeonista integra o Bebê Kramer Quarteto, que “puxa” mais a música para o sul do país, tocando ritmos como a milonga e o chamamé, entre outros. Na formação do grupo, Kramer (acordeon), Wirtti (baixo), Luis Barcelos (bandolim), Sergio Valdeos (violão de sete cordas). “O que iremos mostrar no show de hoje, está relacionado ao trabalho que desenvolvemos com esse quarteto. Estamos com dez músicas recém-gravadas e esse repertório está bem embaixo dos dedos”, disse Kramer que está mixando o CD do grupo a ser lançado ainda no final deste ano.

No repertório do show de hoje, “Choro Esperança”, composto por Kramer que, segundo ele, “não pode faltar porque, além de eu gostar muito, é um hit…entre os amigos”, disse rindo o instrumentista que também interpreta de sua autoria o chamamé “Xamã” e “A Galope”, uma chacarera composta por Guto Wirtti.

O professor, exímio violonista e arranjador paulistano Marco Pereira, 65, mora no Rio de Janeiro há mais de 20 anos. “Nasci em São Paulo, mas já morei na França, e em Brasília seis anos antes de mudar para o Rio”, disse o músico que faz uma participação especial no show de hoje, tocando “Choro Esperança”, além de mostrar seus belos arranjos feitos para quatro músicas de Baden Powel (1937-2000): “Violão Vadio”, com Paulo Cesar Pinheiro; “Canto de Ossanha”, “Consolação” e “Berimbau”, todas de Baden com Vinícius de Moraes (1913-1980).

VIOLÃO BRASILEIRO NA MARIO DE ANDRADE

O segundo show que o trio realiza, em São Paulo, é uma prévia do lançamento do CD “Dois Destinos-Marco Pereira toca Dilermando Reis”, mesclada ao som do violão brasileiro por meio de músicas de Aníbal Augusto Sardinha, o Garoto (1915-1955), Baden Powell, e do próprio Marco Pereira.

“No show, estaremos celebrando esse disco, com músicas do Dilermando e arranjos reduzidos para uma formação de trio. O Dilermando Reis é um compositor que anda esquecido no Brasil. Acho bacana colocar as pessoas em contato com o repertório dele”, disse Marco Pereira. O CD em homenagem a Dilermando Reis (1916-1977) traz 12 faixas de músicas do violonista paulista de Guaratinguetá, com sofisticação e técnica bem diferentes da brejeirice utilizada pelo compositor que foi professor de música da filha do presidente Juscelino Kubitschek (1902-1976).

Entre as obras de Dilermando Reis, abre o show um solo da emblemática valsa “Se Ela Perguntar”; em duo com Guto Wirtti, Pereira interpreta “Gente Boa” e “Tempo de Criança”; com a adição de Bebê Kramer o trio passa por “Dr. Sabe Tudo”, “Caxinguêle” e “Xodó da Bahiana”.

Os arranjos de Pereira deram a essas composições outra vida, agregando mais frescor. Todas adquiriram outra bossa, mas sempre com muito critério e mantendo a originalidade dos temas. De sua autoria, Pereira toca a abolerada “Café com Padre”, e a chula baiana “Santo Amaro”.

Assista aos vídeos, a seguir, no qual esse trio de exímios instrumentistas convida o internauta do Música em Letras para assistir aos shows que realizam hoje e amanhã em São Paulo.

SHOW BEBÊ KRAMER E GUTO WIRTTI PARTICIPAÇÃO ESPECIAL DE MARCO PEREIRA
ARTISTAS Bebê Kramer, Guto Wirtti e participação especial de Marco Pereira
QUANDO Hoje, terça-feira (2/08), às 21h
ONDE Rua Gen. Jardim, 43 ,Vila Buarque, São Paulo, tel.(11) 3257-4290
QUANTO R$ 25

SHOW MARCO PEREIRA CD DOIS DESTINOS
ARTISTA Marco Pereira com Bebê Kramer e Guto Wirtti
QUANDO Quarta-feira (3/08), às 20h
ONDE Auditório da bilioteca Mario de Andrade, rua da Consolação, 94, República São Paulo, tel.(11) 3775-0002
QUANTO Gratuito